EEG - GEOFISICA

Sondagem Elétrica Vertical (SEV)

Sondagem Elétrica Vertical (SEV)

A técnica compreende uma série de determinações de resistividade efetuadas com distância progressiva crescente entre os elétrodos de corrente (A-B) e de potencial (M-N), segundo o dispositivo de quatro elétrodos esquematizado na Figura 1.

A sequência padrão de medidas utilizadas para reconstruir as curvas SEV’s está indicada na Tabela 1.

 

Tabela SEV

O equipamento utilizado

As curvas geoelétricas são medidas com o seguinte equipamento:

  • Um Resistivímetro ABM AL-48, equipado com um energizador interno de 500 W e capaz de prover uma tensão elétrica de até 700 V aos cabos de medida;
  • 2 cabos elétricos multipolares fabricados sob medida para permitir a aquisição de forma semi-automatizada das medidas até o comprimento máximo de AB/2 = 70 m;
  • Vários elétrodos de alumínio para os contatos MN (40 cm de comprimento) e No. 4 elétrodos de alumínio para os contatos AB (60 cm comprimento), usados em grupos de dois, para permitir a passagem da corrente;
  • 4 cabos elétricos unipolares, cada um de 500 m de comprimento para os contatos A-B;
  • 1 bateria de 12 V (fonte de energia), equipamento de comunicação, GPS, cabos de força e conexões, etc.

Aquisição dos dados geoelétricos

Por meio dos elétrodos externos A e B é introduzida no terreno uma corrente contínua fornecida por uma bateria de 12 V conectada com o energizador/elevador de tensão interno do resistivímetro.

Através de dois elétrodos centrais (M e N) é medida a diferença de potencial gerada no subsolo pela passagem da corrente entre A e B (Figura 1). As medidas de diferença de potencial (dP) e de intensidade de corrente (I) são efetuadas com um instrumento de precisão dotado de anulador automático dos potenciais espontâneos existentes no terreno (resistivímetro ABM AL-48).

Geoel2

Dessas medidas são extraídas as resistividades aparentes (R) do terreno segundo a fórmula: R = K * dV / I,  onde K indica a constante geométrica do arranjo eletrôdico.

Para estender as medidas de resistividade às camadas mais profundas aumenta-se a distância entre os elétrodos A-B e M-N, de tal modo que as linhas de corrente atravessem porções sempre mais profundas do subsolo.

Colocados os valores de resistividade aparente num diagrama bi-logarítmico são construídas as curvas de resistividade aparente: os valores de AB/2 (sobre as abscissas) são expressos em metros, enquanto aqueles de resistividade (sobre as ordenadas) em Ohm*m. A partir dessas curvas é possível calcular os valores de resistividade e espessura reais das camadas que formam o subsolo.

 

Elaboração dos dados geoelétricos

Na interpretação quantitativa das curvas SEV é elaborado um modelo do terreno em termos de “espessura” e “resistividade” das diferentes camadas individualizadas em profundidade.

Esse procedimento é realizado com o auxílio de um programa de cálculo que aplica um oportuno modelo matemático: o programa, fornecendo imediatamente a curva de resistividade calculada (com base num modelo escolhido) em sobreposição àquela medida em campo permite avaliar a correspondência entre as duas curvas.

Exemplo SEV-2, Formato A4.srf

Através da utilização das funções Dar Zarrouk, sobre a equivalência das soluções interpretativas, é elaborado um modelo físico do subsolo para cada SEV. As curvas interpretadas e aquelas medidas são colocadas em um único gráfico, no qual é possível verificar visivelmente a sua correspondência. Nesse diagrama é indicado um modelo do terreno, seja em forma gráfica como analítica/numérica.

A interpretação das SEV pode ser feita só na hipótese (simplificada) que as camadas do subsolo, por baixo do setor central do tendido elétrico, sejam homogêneas, horizontais, continuas na lateral e com superfícies de separação planas e paralelas.

Dificilmente as condições naturais correspondem às teóricas, por esse motivo tem-se uma possibilidade de um erro na determinação dos valores de resistividade e da espessura das camadas de aproximadamente 20-25 %: essa tolerância é própria do método de prospecção elétrica, e é ligada, sobretudo, aos limites impostos pelo princípio de equivalência acima indicado.

Sondagem Elétrica Vertical (SEV)

Os “cookies” ajudam em fornecer os nossos serviços: usando esses serviços você aceita o uso dos cookies por nossa parte. saiba mais

Questo sito utilizza i cookie per fornire la migliore esperienza di navigazione possibile. Continuando a utilizzare questo sito senza modificare le impostazioni dei cookie o cliccando su "Accetta" permetti il loro utilizzo.

Chiudi