EEG - GEOFISICA

Author: brunovas

Equipo Condutividade Térmica

O equipamento utilizado para a determinação de condutividade térmica:

sonda-termica-11

 

 

Um Resistivímetro ABM AL-48, acoplado com um energizador externo que fornece uma tensão de 24 V c.c. com corrente regulada;


 

Uma sonda EEG RT-130 de 1,5 m de comprimento, equipada com dois sensores de temperatura para serem colocados às profundidades de 90 e 130 cm da superfície;

sonda-termica-13

sonda-termica-03

 

 

 

Uma furadeira profissional acoplada com gerador elétrico de 1 KVA para realizar as necessárias operações de pré-furo para poder inserir a sonda.

Magnetómetro

Magnetómetro Geometrics G-856AX

Mag2

Mag5

Display: Six digit display of field to 0.1 gamma, or timeto nearest second. Three digit display of station, day, line number, battery voltage, or signal strength.
Resolution: Typically 0.1 gamma under average conditions, may degrade in weak fields, high gradients, or noisy conditions.
Accuracy: 0.5 gamma
Tuning: Auto or manual, range 20,000 to 90,000 nT
Gradient Tolerance: 1000 nT/meter
Cycle Time: 3 sec to 999 sec. standard; can be manually selected as fast as 1.5 sec cycle time
Read: Manual or auto cycle for base station use
Data storage: 5,700 readings in portable mode, 12,000 in base station mode. Power failure will not cause any data loss.
Display: Six digit display of field/time, three digit auxiliary display of line number, day
Digital Output: RS-232, 9600 baud
Input: Will accept external cycle command
Power: Rechargeable Battery Pack (2) plus charger included
Weight: Instrument console – 6 lb., Staff & Sensor – 6 lb.

 

Energizador horizontal

DH11
 
 

Para gerar as ondas S necessárias para os testes Down-Hole ou para a sísmica à refração SH, é necessário utilizar um apropriado sistema de energização constituído por uma viga equipada lateralmente com duas placas de metal onde bater. Como é um objeto pesado e relativamente desajeitado, nós não podemos enviar e, portanto, você deve procurá-lo seguindo as nossas instruções.

 

Seguem a descrição e as instruções necessárias para construir a viga

 

energizador horizontal 2

Para comodidade de transporte, a viga é constituída por dois blocos de madeira de comprimento de 120 cm (aprox.) e de seção 18 x 15 (aprox.). O comprimento depende da distância entre as rodas do vosso carro. A seção deve ser tal a facilitar o golpe com a marreta e suficientemente robusta para suportar o uso repetitivo.
Você pode pedir para que um madeireiro a corte em poucos minutos.
É aconselhável usar uma madeira dura e temperada (tipo velha viga ferroviária).
Não aconselhamos separar os dois pedaços com um corte vertical, é melhor um corte em forma de V, evitando assim que os dois pedaços deslizem um sobre o outro.

 

energizador horizontal 3

Os dois blocos são juntados com duas placas de ferro de dimensões 15 x 28 (aprox.) e de espessura de 1 cm (aprox.) e por por barras roscadas, dados e porcas As placas devem ter a mesma altura das vigas porém um pouco mais largas, para permitir a montagem das barras roscadas.
As duas placas podem ser feitas por um ferreiro enquanto todo o resto pode ser comprado em uma loja de ferramentas. Não esquecer as chaves necessárias para a montagem.


 

energizador horizontal 1

 
 
Para montar com o carro sobre a viga sem problemas é necessário dispor de duas rampas: sem elas é quase impossível subir sem que as vigas se movam.
Caso não tenha, podemos fornecer a você, visto que pesam pouco e são pequenas.

Vibrômetro

Vibr1

          Características técnicas

  • Canais: 3 para os geofones, 1 para o microfone
  • Sensores (configuração padrão): 3 geofones, já prontos para o uso
  • Sensores opcionais: 1 microfone “airblast” resistente à água
  • Espectro de frequências: 2 – 250 Hz
  • Tempos de registro e gravação dos dados (selecionável pelo usuário): 1, 2, 4, 8, 16, 32, 64 s
  • “Pré-trigger”: 10% do tempo de registro até 4 s, 0,5 s para os registros mais demorados
  • Frequências de amostragem: 1000, 2000 ou 4000 Hz
  • “Range” da leitura: ± 250 mm/s
  • Resolução: inferior a 0,02 mm/s até 31 mm/s; inferior a 0,1 mm/s até a 250 mm/s
  • Nível de “Trigger“: selecionável pelo usuário
  • Capacidade de armazenamento dos dados: 800 eventos de 1 s de gravação cada, a 1000 Hz
  • Baterias internas: tipo LR-20, alcalinas, facilmente substituíveis
  • Peso: 1,75 Kg (baterias incluídas)
  • Dimensões: 178 x 86 x 67 mm (conectores excluídos)
  • Softwares PC em dotação ao equipamento: VIBRALOC REMOTE (software para controle remoto e transferência de files) e UVSZ (software para análise no domínio de tempo do tipo “delta-times”, amplitude, frequências ZX, etc.)

Geofones triaxiais

Os geofones triaxiais são utilizados para registrar o ruído sísmico natural nas três direções ortogonais em correspondência a uma estação HVSR. A partis do estudo da relação entre o espectro de frequência das duas componentes horizontais em relação àquela da vertical, é possível reconhecer as frequências de ressonância do local e reforçar, especialmente em profundidade, as informações estratigráficas dos testes MASW.

Triass_1

Os “cookies” ajudam em fornecer os nossos serviços: usando esses serviços você aceita o uso dos cookies por nossa parte. saiba mais

Questo sito utilizza i cookie per fornire la migliore esperienza di navigazione possibile. Continuando a utilizzare questo sito senza modificare le impostazioni dei cookie o cliccando su "Accetta" permetti il loro utilizzo.

Chiudi